Relatório: Brasil é o quinto país mais violento para mulheres em um ranking de 83 nações

 
 
 

Impressionam os números divulgados sobre a violência praticada contra as mulheres no Brasil. Mulheres e meninas são assinadas pelo simples fatos de serem, pasmem, mulheres. No dia 09 de novembro, o Mapa da Violência – Homicídios de Mulheres – divulgado hoje pela Flacso Brasil (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais), alerta para a violência contra mulheres no país, que só cresce.

Segundo dados divulgados pela Humaniza Redes, “entre 2003 e 2013, o número de vítimas do sexo feminino passou de 3.937 para 4.762, um aumento de 21,0% na década. Essas 4.762 mortes em 2013 representam 13 HOMICÍDIOS femininos DIÁRIOS”. Estes números jamais quantificarão a dor pela perda da vida humana.

De acordo com o relatório, o Brasil é o quinto país mais violento para mulheres em um ranking de 83 nações que usa dados da OMS (Organização Mundial de Saúde). No período, em média, 11 mulheres foram assassinadas no Brasil todos os dias. Mais da metade delas, 55%, eram negras.

violencia contra a mulher
No Brasil, as 10 capitais mais violentas do Brasil para mulheres são: Vitória-ES, Maceió-AL, João Pessoa-PB, Fortaleza-CE, Goiânia-GO, Palmas-TO, Porto Velho-RO, Boa Vista-RR, Rio Branco-AC e Salvador-BA.

Pela força do Evangelho, todas e todos somos chamados assumir a postura de defesa e promoção da vida ameaçada. Como Congregação – Irmãs, vocacionadas, leigos, leigas, colaboradores/as – a causa pelo fim da violência contra a mulheres nos é uma convocação. Estamos juntas nesta luta e somamos nos diversos espaços onde essa causa se faz presente.
Disponibilizamos a íntegra do relatório. Clique Aqui

Deixe seu comentário