Encontro de jovens das Obras Sociais ICM evidencia protagonismo e liderança juvenil

 
 
 

A terceira edição do encontro da Juventude ICM foi realizada com sucesso. Apresentações culturais e jogos marcaram todo o dia de integração. O evento teve como tema “Juventude ICM: Eu faço parte” e reuniu mais de 100 participantes no Centro Humanístico Vida, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

O encontro reuniu parte das crianças, adolescentes e jovens atendidos pelas Obras Sociais mantidas ou administradas pelas Irmãs do Imaculado Coração de Maria na capital gaúcha: Instituto Providência, Instituto São Benedito, Clube de Mães Bárbara Maix, OSICOM – Obra Social Imaculado Coração de Maria e a AICAS – Associação Intercomunitária Atendimento Social.

Na primeira parte do encontro, cada instituição apresentou parte trabalho realizado com os atendidos. Foi uma verdadeira mostra cultura: capoeira, dança, malabares e cultura gaúcha. A parte da tarde foi destinada à integração entre os participantes e à prática de esportes.

A Conselheira Geral do Setor Ação Social da Congregação, Irmã Maria Bernadete Macarini, afirma que, mais do que promover a integração, o encontrão dos jovens quer fomentar o protagonismo e lideranças dos jovens. Para a religiosa, promover a dignidade dos atendidos/as é a missão da Congregação:

“Essa é a nossa missão: olhar principalmente os adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social e também pessoal. Enquanto Congregação, o que nós queremos é que esses jovens possam viver com mais dignidade e encontrar sentido de vida. Acreditamos que a transformação da sociedade passa pela transformação de cada pessoa.” disse.

Irmã Bernadete Macarini disse que o encontro favorece protagonismo dos jovens

Irmã Bernadete Macarini disse que o encontro favorece protagonismo dos jovens

Para a Assistente Social da Congregação, Simone Maria Pedott Romanenco, valorizar a potencialidade dos adolescentes e jovens é cuidar do futuro da sociedade: “Os adolescentes e jovens são cuidados e acolhidos por um Carisma que fala em nome do amor. É esse amor que a gente busca no cuidado com a juventude, para que eles não se sintam desamparados e possam construir uma vida com valores para essa sociedade justa queremos construir”.

NAS OBRAS, HISTÓRIAS DE SUPERAÇÃO

A OSICOM – Obra Social Imaculado Coração de Maria – atende mais de 900 pessoas entre crianças e adultos. O espaço é mantido pela comunidade e administrado pelas Irmãs. No local, a Irmã Celia Aime é a responsável pela pastoral. Ela conta a história de um dos adolescentes atendidos pela instituição que era considerado um “caso difícil”.

“Este menino não tinha onde se refugiar. É um acaso especial e não se adaptava. O colocamos na oficina de música. Ele se achou. O professor deu carinho e carinho e responsabilidade. Em um mês ele mudou e hoje é querido, amado e prestativo. Mudou completamente.” afirma.

Irmã Celia disse que encontros como o da juventude ICM é um apoio tanto na formação dos jovens, como para a integração entre as Obras Sociais.

Há dois meses no Instituto Providência, Jonatan, de 13 anos, disse que sua vida mudou. No local, ele participa dos cursos de gastronomia e dança: “É uma coisa muito boa, legal. Antes do Instituto eu ficava em casa. Agora eu tenho o que fazer nas tardes” afirmou.

Jonatan e a Irmã Daniele Kosvoski

Jonatan e a Irmã Daniele Kosvoski

Após apresentação de malabares com seus amigos, a jovem Júlia Cornélio, que participa há quase um ano do Instituto São Benedito, disse que participar do Instituto a ajudou a descobrir-se: “Acho legal. O Instituto me ajudou bastante porque antes eu era super tímida e agora eu já interajo mais. Eu consegui me descobrir bastante lá. Hoje tenho uma palhacinha dentro de mim” brincou.

Julia e Daniele são jovens atendidas pelo Instituto São Benedito

Julia e Daniele são jovens atendidas pelo Instituto São Benedito

Da mesma opinião compartilha Daniele Padilha, 14 anos, também do Instituto São Benedito. A jovem faz oficina de culinária. Além de conhecimento, ganhou amigos: “Eu também era muito tímida. Agora já consigo me enturmar e faço novos amigos”.

AÇÃO SOCIAL PARA O BEM DA SOCIEDADE

Há mais de 100 anos, a Congregação das Irmãs do Imaculado Coração de Maria atua na prestação de serviços socioassistenciais. O foco da missão são os mais empobrecidos, sempre buscando, através da prática evangelizadora e social, promover e defender a vida e a dignidade das crianças, adolescentes, jovens e mulheres, agindo sempre pautada por valores humanos e cristãos através da inclusão, diálogo e valorização integral da pessoa.

Deixe seu comentário