Formandas são acolhidas no Noviciado ICM em Goiás

 
 
 

APARECIDA DE GOIÂNIA/GO – A comunidade interprovincial do Noviciado Coração de Maria viveu um dia de festa no domingo, 20 de janeiro, quando aconteceu o ingresso ao noviciado das vocacionadas à Vida Religiosa Cristiane Sabatke, Débora Fabiúla Tartas e Keila Tamires Ramos de Paula.

A acolhida das noviças aconteceu durante Celebração Eucarística realizada na Paróquia Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Para este tempo de formação, as jovens escolheram como lema: “Meu Jesus aqui estou. Faze de mim o que te aprouver! Outra coisa eu não quero, a não ser cumprir a Tua Santíssima Vontade”, frase escrita pela Bem-Aventurada Bárbara Maix, fundadora da Congregação das Irmãs do Imaculado Coração de Maria.

Na missa, as então postulantes foram apresentadas à comunidade pela Irmã Raimunda Alves de Sousa, mestra de noviças. Impulsionadas pelo desejo de seguir Jesus Cristo, seguindo o Carisma ICM, as jovens fizeram o pedido de ingresso à Irmã Marlise Hendges, Diretora Geral da Congregação. Carinhosamente acolhidas e para marcar este novo tempo na vida das três jovens, foi entregue o livro sagrado do Novo Testamento com a seguinte recomendação: “Recebe o Novo Testamento, crê no que lês. Vive o que crês e anuncia Jesus com tua vida”.

Irmãs das comunidades de Goiás, São Paulo e da Sede Geral, no Rio Grande do Sul, estavam presentes um clima de grande alegria e comunhão.

As noviças Cristiane Sabatke e Débora Tartas foram enviadas pela comunidade do postulado de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, da Província Maria Mãe de Deus. Já Keila Tamires foi enviada pela comunidade do postulado de Picos, no Piauí, da Província Nossa Senhora Guadalupe.

O Noviciado Coração de Maria está ligado ao Setor Geral da Congregação. Também integram a comunidade formadora a Irmã Luiza Pozoco e a noviça Helen Regina Brandão.

NOVICIADO: ÚLTIMA ETAPA ANTES DA PROFISSÃO RELIGIOSA

O Noviciado situa-se para a formanda, no momento em que ela, tendo consciência do chamado de Deus, chegou à maturidade humana e espiritual que lhe permita, com a devida liberdade e responsabilidade, tomar a decisão de dar uma resposta. É um período específico da experiência da consagração a Deus como Irmã do Imaculado Coração de Maria.

Deixe seu comentário