Lançado o filme “Coração Imaculado – A vida e obra de Bárbara Maix”

 
 
 

A emoção marcou o lançamento do filme “Coração Imaculado – A vida e obra de Bárbara Maix” dirigido pelo Padre Antônio Bogaz. O lançamento foi feito no Salão de Atos do Colégio Glória, em Porto Alegre. O local ficou lotado de Irmãs, leigas/os, colaboradores e convidados/as. Parte do elenco e da equipe técnica marcou presença no evento que contou com um bate-papo após a exibição da Obra.

Irmã Maria Angelina Enzweiler, diretora do Colégio Glória, acolheu a todos/as que se fizeram presentes ao evento. Irmã Amelia Thiele, Vice-Diretora Geral da Congregação apresentou a equipe do filme à platéia: “Ficamos felizes e surpresas por esta iniciativa de trazer a realidade sobre Bárbara Maix”, exclamou.

Iniciada a exibição do filme, a platéia acompanhou atentamente todo o longa-metragem: A infância difícil da menina austríaca, as dificuldades na família pobre, a perda dos pais, a pensão em Viena e a semente da Congregação; a decisão de vir para o Brasil para viver a sua vocação religiosa por conta da perseguição religiosa aos religioso/as na Europa. Já em terras brasileiras, o filme retrata o feliz dia da consagração religiosa, as obras assumidas, divisão da congregação, o atendimento aos feridos da Guerra do Paraguai e a morte da futura Bem-Aventurada da Igreja. Uma das cenas que levou a platéia às lagrimas, foi a que retratou a morte de Madre Bárbara e arrependimento de Madre Jacinta, responsável pela divisão da Congregação.

Após a exibição do filme, atores, atrizes e equipe técnica conversaram com os presentes e relataram a experiência em fazer parte de um projeto que dá visibilidade à vida da venerável Serva de Deus. 

Padre Antônio Bogaz, diretor do filme, disse que o primeiro contato com a história de Bárbara surgiu de trabalhos desenvolvidos em parceria com o Colégio Puríssimo (Rio Claro-SP). Além disso, contou com um exército de voluntários para a produção do longa: “Começamos a trabalhar o roteiro a mais de um ano, montamos após conhecer e ler muito. Depois, soubemos da beatificação de Bárbara Maix: isso foi a mão da Divina Providencia. Toda a equipe é voluntária e amadora. Para o filme forma aproximadamente 150 pessoas e os que ajudaram na figuração foi perto de 100 voluntários”, informou.

Já o roteirista João Hans, que também atuou no filme como que interpreta Padre Pöckl, o primeiro orientador espiritual da Congregação, destacou o prazer de conhecer uma personagem religiosa de muita coragem: “Bárbara para se transformou para nós uma pessoa muito próxima de nós. Começamos a gostar de Bárbara, começamos a amá-la. E esse amor foi lindo e chegou ao filme”, disse.

Eva BrenninKmeyer desempenhou seu primeiro personagem em um filme. Vinda da Alemanha, interpretou Bárbara Maix, dando mais realismo a fundadora e seu português com sotaque alemão: “Eu aprendi muito.  Pensei muito em Bárbara e decidi: Vou tentar meu melhor”, diz a atriz que se defini com o seu primeiro papel: “É difícil interpretar  um personagem histórico que é amado e venerado por tantas pessoas”, sentenciou. .

Já para Lúcia Helena Suarez, que interpretou Madre Jacinta, o filme “Coração Imaculado” foi um grande presente: “Eu acho que foi presente grande para cada um de nós. No início agente pergunta quem era Bárbara Maix. Então nós estudamos, encontramos com as irmãs no Sul e em São Paulo quanto mais agente conhecia e sabia da vida de Bárbara mais agente queria saber e ficava fascinada pela sua história. Ela esteve presente com agente e nos deu muita força” disse emocionada.

Irmã Marlise agradece a equipe: 
“Bárbara não vos deixará sem recompensa”

Irmã Marlise Hendges, Diretora Geral da Congregação, agradeceu a equipe pelo esforço e pela obra apresentada. Segundo ela, a noite de lançamento foi mais um dos milagres de Bárbara Maix e que a inspiração para a construção do longa, a exemplo da Congregação, é de Deus: “Fazer esse filme, certamente não foi  por acaso. O Espírito de Deus foi quem inspirou Padre Brás para fazer esse filme sobre a Vida e a Obra de Bárbara Maix. E essa obra, certamente, é obra de Deus. Este filme irá beneficiar muita gente. Existem muitas formas de conhecer a vida de uma pessoa e o filme, com certeza, é o recurso mais eficaz por que permite aos  expectadores sentirem-se participantes, vivenciando o acontecimento como se fosse real”

Para Irmã Marlise, filme ‘Coração Imaculado – A vida e a Obra de Bárbara Maix’ proporciona uma viajem no tempo e permite  mergulhar muito profundamente no mistério da Vida de Bárbara: “Este será um instrumento poderoso para tornar Bárbara mais conhecida  e mais amada com toda certeza. Com ele será possível contar ao mundo, a juventude, aos cristãos em geral o modelo de uma vida dedicada totalmente ao serviço de Deus, especialmente dos irmãos mais necessitados. O filme sobre a vida de Bárbara será uma nova opção e poderá influenciar e  mudar a vida de muitas pessoas”

A Diretora Geral finalizou sua fala agradecendo ao empenho de toda a equipe: “Tivemos notícia do empenho e da dedicação incansável deste grupo para a produção do filme. Tenham certeza de que Bárbara não vos deixará sem recompensa”.

Além do lançamento ocorrido em Porto Alegre, o longa será exibido em Rio Claro, local onde foram gravadas a maior parte da produção. A exibição estará aberta ao público no cinema Arcoíris, nos dias 23 e 25 de outubro, com entrada gratuita, nas sessões das 9 e 11 horas da manhã.

Deixe seu comentário