Vaticano: Papa nomeia religiosa para cargo de direção na Cúria Romana

 
 
 

O Papa Francisco nomeou no último dia 23 de fevereiro a Irmã Carmen Ros Nortes como nova subsecretária da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, no Vaticano. O Dicastério tem como prefeito o cardeal brasileiro Dom João Braz de Aviz.

Irmã Carmen Ros Nortes é espanhola e nasceu no dia 20 de dezembro de 1953. Em 1986 ingressou na Congregação das Irmãs de Nossa Senhora da Consolação. É formada em Teologia, Pedagogia Catequética e em Ciências Humanas. Possui especialização em Mariologia pela Marianum Pontificia Facoltá Teológica, de Roma. Na Congregação já foi missionária na Coréia do Sul.

Em janeiro de 1992, ingressou na Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica como assistente de estudo. Desde então, desempenhou diversas funções na “Promoção e formação” e no “Governo ordinário, vida e apostolado”.

Em mensagem, as Irmãs de Nossa Senhora da Consolação manifestaram alegria pela missão confiada pelo Papa Francisco a uma filha da Congregação:

“Acolhemos com alegria esta noticia do serviço que a Irmã Carmem pode prestar à Vida Religiosa e à Igreja. Invocamos a intercessão de Maria, Mãe de Consolação, para a Irmã Carmem”.

PRESENÇA FEMININA NO VATICANO

Em novembro de 2017, o papa tinha nomeado outras duas mulheres como subsecretárias do novo Dicastério para os Leigos, Família e Vida (Santa Sé), reforçando assim a presença feminina na Cúria Romana.

Gabriella Gambino, professora de Bioética, foi indicada para a secção para a Vida desde organismo, e Linda Ghisoni, especialista em Direito Canónico, recebeu a nomeação pontifícia para a secção da Família.

Entre 2005 e 2015, o número de mulheres que trabalham nas instituições da Cúria Romana e do Estado da Cidade do Vaticano aumentou em 90%. As mulheres representavam então cerca de 20% do total de funcionários ao serviço do Papa no Estado da Cidade do Vaticano.

A presença feminina na Santa Sé inclui responsabilidades nos departamentos da Cúria Romana e nas áreas dos arquivos, da história e da comunicação social.

Atualmente, a jornalista espanhola Paloma García Ovejero é vice-diretora da Sala de Imprensa da Santa Sé; Margaret Archer preside à Pontifícia Academia de Ciências Sociais; Barbara Jatta é a primeira diretora dos Museus Vaticanos desde janeiro de 2017.

Assessoria de Comunicação ICM com informações da Agência Ecclesia e das Irmãs de Nossa Senhora da Consolação

Deixe seu comentário